Contato

herbertlagocastelobranco@gmail.com
Facebook Herbert Lago

sábado, 16 de abril de 2011

POETA DA CIDADANIA

Para Enedilson Oliveira dos Santos


Pensei que eu era poeta,
agora confesso que não sou,
poeta mesmo é o Enedilson,
que escreve sem pudor.
Sem nenhuma heresia,
és poeta por paixão,
defende a cidadania
e condena a corrupção.
Seus belos sentimentos,
Pôs em versos à luz da razão,
condenando formas e práticas
de todo tipo de corrupção.
Na sua inocência cristã,
e como um poeta trovador
que não se cansa de falar,
despertou ódio instintivo contra a realidade,
até mesmo de um tal promotor,
que agora quer lhe processar.


Herbert Lago Castelo Branco

segunda-feira, 11 de abril de 2011

TRÂNSITO PARA A MORTE

Já escrevi e postei neste blog vários artigos com relação a violência auto-motorizada e sobre o trânsito de Chapadinha, que ceifa vidas e causa lesões em outras pessoas. Observo como certos motoristas e motociclistas avançam suas possantes máquinas sobre frágeis pedestres que atravessam a rua ou avenida. No último domingo dia 10 de abril a vítima foi a professora Graceilda Maria, no bairro do areal. Se sérias providências não forem tomadas, nos próximos anos ocorrerão, em ruas e avenidas de Chapadinha, mais acidentes com vitimas fatais e outras serão hospitalizadas, o que representará um custo muito alto ao nosso município. É preciso desencadear uma intensa campanha de educação no trânsito, reforçando o respeito à lei e à sinalização. É lamentável constatar a leniência dos poderes com os assassinos do volante: permanecem impunes, continuam a portar carteiras de habilitação e a dirigir. No caminho da vida, o trânsito para a morte é inevitável para todos nós. Melhor que não seja antecipado por irresponsabilidade do motorista, pela fiscalização precária, omissão do poder público e insegurança do veículo.