Contato

herbertlagocastelobranco@gmail.com
Facebook Herbert Lago

sexta-feira, 31 de outubro de 2008

quinta-feira, 30 de outubro de 2008

MARTE PODE PODE TER TIDO ÁGUA POR MAIS TEMPO, DIZ NASA.


Uma sonda espacial da Nasa descobriu uma nova categoria de minerais espalhados em grandes áreas de Marte que podem sugerir a existência de água.
A sonda Mars Reconnaissance Orbiter (MRO, na sigla em inglês) descobriu provas da existência de sílica (dióxido de silício) hidratada, também conhecida como opala.
Minerais hidratados, ou que contêm água, são sinais de quando e onde existia água no planeta. Esta nova descoberta sugere que água em estado líquido permaneceu na superfície do planeta 1 bilhão de anos mais tarde do que os cientistas pensavam.
Os minerais foram descobertos com o Espectrômetro Compacto de Reconhecimento de Imagens (CRISM, na sigla em inglês), um instrumento levado pela sonda da Nasa à exploração de Marte.
O dispositivo "lê" mais de 500 cores refletidas na luz do Sol para detectar alguns minerais em particular na superfície de Marte, incluindo aqueles formados na presença de água.
"Esta é uma descoberta animadora, pois estende a escala de tempo para (a existência) de água em estado líquido em Marte e os locais onde pode ter existido vida", disse Scott Murchie, do Laboratório de Física Aplicada da Universidade Johns Hopkins, Maryland, Estados Unidos.
"A identificação de sílica opalina nos diz que a água pode ter existido tão recentemente como há 2 bilhões de anos atrás", acrescentou Murchie, que é o cientista-chefe da equipe do aparelho CRISM.

Dois grupos
Os detalhes das últimas descobertas da sonda da Nasa foram divulgados na revista acadêmica "Geology".
Até o momento apenas dois grandes grupos de minerais hidratados, os filossilicatos e sulfatos hidratados, foram observados por sondas que orbitam Marte. O primeiro grupo, dos filossilicatos, foi formado em torno de 3,5 bilhões de anos atrás, e o segundo, dos sulfatos hidratados, há cerca de 3 bilhões de anos.
As "sílicas opalinas" são os minerais mais novos dos três tipos de minerais hidratados descobertos em Marte.
Eles foram formados em locais onde a água em estado líquido alterou materiais criados por atividade vulcânica ou pelo impacto de meteoritos na superfície de Marte. Um destes locais é um grande sistema de canyons do planeta vermelho.
"O importante é que quanto mais tempo a água em estado líquido existiu em Marte, maior é a janela durante a qual o planeta pode ter sustentado alguma forma de vida", afirmou Ralph Milliken, do Laboratório de Propulsão a Jato da Nasa (JPL, na sigla em inglês), em Pasadena, na Califórnia.
"Os depósitos de sílica opalina serão bons locais para explorar e avaliar o potencial de habitação em Marte, especialmente nestes terrenos mais novos", acrescentou.Leia mais notícias de Ciência e Saúde

Fonte: G1

segunda-feira, 27 de outubro de 2008



Lutam melhor os que têm belos sonhos... Os poderosos podem matar uma, duas ou três rosas, mas jamais conseguirão deter a primavera.
CHÊ GUEVARA

quinta-feira, 23 de outubro de 2008

terça-feira, 21 de outubro de 2008

sexta-feira, 17 de outubro de 2008

KARL MARX NA MODA


O estouro da bolha de crédito está causando na Alemanha grande aumento das vendas de O capital, escrito por Karl Marx em 1867 para analisar o modo de produção capitalista. “Marx está novamente na moda”, disse ao jornal Neue Ruhr Zeitung Joern Schuetrumpf, responsável pela editora Karl Dietz, de Berlim, que publica as obras de Marx e Friedrich Engels em alemão. As vendas do primeiro volume da obra, explicou Schuertrumpf, triplicaram desde 2005, chegando a 1.500 exemplares. Para dezembro, a editora espera aumento maior, considerando que algumas das teorias do filósofo – dentre as quais a que afirma que o capitalismo em excesso acaba por se autodestruir – estão mais atuais do que nunca. O próprio governo alemão pode ter contribuído para o boom de Marx nas livrarias, já que no fim de setembro o ministro das finanças alemão, Peer Steinbrueck, declarou ao jornal Der Spiegel que “tudo o que está acontecendo mostra que algumas partes da teoria marxista não estavam tão erradas”. ( grifo nosso).

Fonte: Correio Braziliense

quinta-feira, 16 de outubro de 2008

SEGUNDO TURNO NO TAPETÃO



No momento em que as eleições municipais movimentam os trabalhos do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), o Ministro Eros Graus relator do processo 32568 referente ao recurso especial da ação de impugnação de registro de candidatura de Isaias Fortes, e mais dois ministros da corte entraram de licença e não devem participar dos julgamentos de recursos referentes ao primeiro turno das eleições municipais.
O pedido de afastamento foi lido na sessão da última terça-feira (14) pelo presidente do TSE Ministro Carlos Ayres Britto.
Segundo o TSE os afastamentos não vão prejudicar o julgamento dos processos porque os ministros substitutos serão convocados. Mas sabemos que geralmente os substitutos pedem vista do processo e se isso acontecer a briga no tapetão continua. Enquanto isso, Magno e Isaias correm pelos corredores dos palácios de Brasília pra ver quem ganha esse segundo turno no tapetão.
Herbert Lago Castelo Branco
Poeta e Escritor

terça-feira, 14 de outubro de 2008

INFIÉL VAGABUNDO


É do conhecimento de muitos que em Chapadinha tem gente que recebe da prefeitura sem trabalhar.
A estória que vou contar até parece cômica, hilariante, se não fosse trágico.
Um cidadão conhecido nosso recebia todos os meses da prefeitura R$ 900, 00 reais sem dar um prego numa barra de sabão, ou seja, sem trabalhar. A única coisa que deveria fazer era votar de quatro em quatro anos no candidato governista. Mas o infiel vagabundo resolveu apoiar outro candidato. No pagamento do mês de setembro o cidadão foi no caixa eletrônico do banco sacar uma grana. Inseriu o cartão no caixa eletrônico e em resposta apareceu saldo insuficiente. Assustado, o cidadão colocou novamente o cartão e tirou um extrato, no qual não constava o deposito de seu “salário” e foi até a prefeitura reclamar.
Chegando à prefeitura o cidadão fez a reclamação para uma pessoa do não deposito de seu “salário” e a pessoa que o atendia puxou da gaveta uma relação de nomes e viu que o nome do cidadão estava entre os relacionados e lhe disse: Só se votar no 22.

Herbert Lago Castelo Branco
Poeta e Escritor

segunda-feira, 13 de outubro de 2008

O RESULTADO DAS URNAS DERRUBA TESE DE QUE UM CACIQUE POLÍTICO ELEGE ATÉ UM POSTE



O cenário político desenhado em Chapadinha com o resultado das urnas derruba a tese de que um padrinho ou cacique de peso pode eleger até mesmo um “poste”. Mais do que um apoio de peso, um candidato necessita ter brilho próprio e musculatura política para sair vencedor.
O prefeito Magno Bacelar desprezou seus aliados políticos que durante seu reinado em Chapadinho lhe deu sustentação e empurrou goela a baixo uma candidata rejeitada pela sociedade, subestimando o seu adversário político Isaias Fortes, que mostrou que ainda é a grande liderança política de Chapadinha consagrado nas urnas como o grande vencedor.
As urnas mostraram também que fora Magno e Isaias, Chapadinha não tem lideranças políticas de expressão, haja vista que dos 35.645 dos votos válidos o vereador mais votado conseguiu apenas 1.832 votos e ainda foi considerado como espoca urnas.
Isaias já provou o dissabor de ficar 8 anos fora da prefeitura e do cenário político. Agora chegou a vez de Magno Bacelar arrumar a mala e cuidar mais de suas fazendas e de seu gado, pois sua política de “pão-e-circo” calcada na realização de festas, sorteios, distribuição de peixe e prêmios chegou ao seu final.
Esperamos que os 8 anos de amarguras que Isaias passou fora da política de Chapadinha lhe serva de lição e não cometa os mesmos erros do passado. Pois a cidade de Chapadinha e o seu povo não merecem tanto desprezo e massacre patrocinado pelos seus gestores.

Herbert Lago Castelo Branco
Poeta e Escritor

quinta-feira, 9 de outubro de 2008

POVO MARCADO E FELIZ



No processo eleitoral de Chapadinha percebi certo fanatismo dos prós e contra Isaias, como também um jogo de muitas mentiras por parte dos formadores de opinião, levando a campanha para o lado da baixaria.
Na verdade o povo ficou cego com a briga e rivalidade entre o atual prefeito Magno Bacelar e o ex-prefeito Isaias Fortes. Com isso os candidatos se eximem de fazer um debate político e de apresentarem para a sociedade suas propostas e o seu plano de governo, levando a disputa para o campo pessoal, em torno do poder, de quem tem mais dinheiro para custear suas carreatas de fazer inveja a qualquer cidade grande. Dinheiro que não se sabe de onde, mas que também serve para comprar candidatos e correligionários de outras legendas e calar a boca de um ou outro insatisfeito que ficará marcado e feliz. Na maioria, o povo ficou vil e se contenta com qualquer migalha.
A eleição chegou ao seu final com a vitória de Isaias Fortes. Comprado ou não, o povo o escolheu e o quer como prefeito. Resta agora aos derrotados se conformarem e trabalharem para as eleições de 2012.
Herbert Lago Castelo Branco
Poeta e Escritor