Contato

herbertlagocastelobranco@gmail.com
Facebook Herbert Lago

terça-feira, 1 de novembro de 2011

NOS MÊSES DE ESTIAGEM CHAPADINHA VIVE EM SITUAÇÃO AINDA PIOR DE "ESTRESSE HÍDRICO".


Nos últimos anos, pequenas e médias propriedades da região leste maranhense vêm sendo incorporadas às grandes fazendas de produção de soja sem que haja a necessária fiscalização dos órgãos responsáveis pela preservação do meio ambiente.
Com a instalação de uma fábrica da Suzano para plantação de eucaliptos para produção de celulose ou pellets em pouco tempo os mananciais de água que servem à população de Chapadinha poderão estar esgotados. A situação de abastecimento de água em Chapadinha já chegou a um ponto crítico. Nos meses de estiagem Chapadinha vive em situação ainda pior de “estresse hídrico”.
A disponibilidade de água na Chapada das Mulatas é bem inferior ao recomendado pela ONU e da Unesco, que é de 1.750 metros cúbicos de água bruta por habitante/ano, a nossa realidade já pode ser considerada preocupante.

Nenhum comentário: